Um asteroide descoberto no século XIX, que orbita no cinturão entre Marte e Júpiter, possui um orçamento de cerca de US$ 10 quintilhões, de acordo com estudo publicado no Planetary Science Journal, que descobriu que o Psyche, de 225 quilômetros, é inteiramente formado por ferro e níquel.

De acordo com a pesquisadora que coordenou o estudo, Tracy Becker, ao Globo, o asteroide pode ser o único formado inteiramente de metal. O valor estimado, de acordo com a cotação de metais, é superior à riqueza acumulada poR todas as pessoas da Terra.

O detalhe sobre a formação do Psyche também revela que, provavelmente, ele é um resquício do núcleo de um protoplaneta, proveniente do período de formação solar. Outra característica única do asteróide foi identificada pelos pesquisadores: o asteroide está enferrujando.

"Nós fomos capazes de identificar pela primeira vez em um asteroide o que achamos ser sinais de absorção de ultravioleta de óxido de ferro. Isso é indicação de que a oxidação está ocorrendo no asteroide, o que pode ser resultado do impacto dos ventos solares na superfície do asteroide", explicou Becker.

 

 

 

 

 

Redes Sociais


Fale Conosco

Preencha os campos abaixo, e assim que possível entraremos em contato
Enviando...
Mariani 24h © Copyright 2021