Para alcançar a meta de 330 milhões de insumos, dessa vez pagando valores mais altos do que no último pregão, o Ministério da Saúde vai abrir novo edital de compra de agulhas e seringas

Na licitação que fechou no último dia 29 de dezembro, fabricantes de seringas fizeram oferta de menos de 8 milhões de insumos. O preço, que estaria abaixo de mercado foi uma das principais reclamações.

Após pressão das empresas, o ministério cedeu e iniciou encaminhamento nesta terça-feira a uma tabela de preços reajustados, por meio do Departamento de Logística da pasta.

Se trata de um outro pregão, novos insumos, e ainda dos 30 milhões de produtos extras com os quais as empresas se comprometeram a vender para o governo nesta terça, 5.

De acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Artigos e Equipamentos Médicos e Odontológicos, as fábricas esperam o lançamento do edital ainda na primeira quinzena deste mês de janeiro.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Redes Sociais


Fale Conosco

Preencha os campos abaixo, e assim que possível entraremos em contato
Enviando...
Mariani 24h © Copyright 2021