O Banco do Brasil (BB) informou que foi aprovado um conjunto de medidas relacionadas à revisão e ao redimensionamento de sua estrutura organizacional. A implementação deverá ocorrer durante o primeiro semestre deste ano, com a revisão de 870 pontos de atendimento. A projeção é de economizar R$ 353 milhões em 2021 e R$ 2,7 bilhões até 2025. Além disso, o banco lançou dos programadas de desligamento voluntários (PDVs), com expectativa de adesão de 5 mil funcionários.

Segundo o BB, dos 870 pontos de atendimento revistos, haverá a desativação de 361 unidades, sendo 112 agências, 7 escritórios e 242 Postos de Atendimento (PA). Além disso, haverá conversão de 243 agências em PA e outros 8 PA serão transformados em agências. Também haverá a transformação de 145 unidades de negócios em Lojas BB, sem a oferta de guichês de caixa, com maior vocação para assessoria e relacionamento.

O BB fala ainda em relocalização compartilhada de 85 unidades de negócios e criação de 28 unidades de negócios, sendo 14 Agências Especializadas Agro e 14 Escritórios Leve Digital (unidades especializadas no atendimento a clientes com “maturidade digital”), com aproveitamento de espaços existentes, não envolvendo contratação ou locação de novos imóveis, entre outras mudanças.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Redes Sociais


Fale Conosco

Preencha os campos abaixo, e assim que possível entraremos em contato
Enviando...
Mariani 24h © Copyright 2021