Manoel Matos, ex-vice-presidente do Vitória, anunciou nesta quarta-feira (3) o seu rompimento com Paulo Carneiro, atual mandatário do Leão. Ele não poupou críticas ao cartola e explicou as motivações para a sua decisão.

“Assistimos ao longo do ano uma comunicação personalista do clube centrada na figura do presidente, desagradáveis manifestações de total desequilíbrio emocional nas redes sociais e um processo de gestão que vem sendo conduzido com diretrizes absolutamente antiquadas e distantes das que entendo serem adequadas para o bem administrativo, financeiro e econômico da instituição”, diz trecho do comunicado.

Nos bastidores políticos, Paulo Carneiro vem perdendo força. Alguns conselheiros que capitanearam sua campanha, já romperam.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Redes Sociais


Fale Conosco

Preencha os campos abaixo, e assim que possível entraremos em contato
Enviando...
Mariani 24h © Copyright 2021