Pelo menos nove detentos fugiram do Complexo Penitenciário da Mata Escura, localizado no bairro da Mata Escura, em Salvador, neste domingo, 7.

De acordo com informações do Sindicato dos Agentes Penitenciários da Bahia (Sinspeb), os detentos usaram uma corda artesanal, feita com pedaçõs de tecido amarrados, conhecida como "teresa", para escapar, por volta das 15h30. O presidente do Sinspeb, Reivon Pimentel, aponta falhas na segurança que corroboram com as fugas.

"Esta situação é corriqueira. O número de policiais penais é insuficiente. A Polícia Militar continua sem ocupar as guaritas e as muralhas. Isso fragiliza a segurança e facilita as fugas", afirma. Reivon também denuncia a falta de um sistema de monitoramento por câmeras e bloqueadores de sinais de celular.

Moradores da região filmaram o momento em que os detentos passaram por uma área de terreno baldio, durante a fuga. Até o momento, ninguém foi recapturado. Ainda de acordo com o presidente do Sinspeb, os homens que fugiram do Presídio Salvador são criminosos de alta periculosidade, envolvidos em homicídios, latrocínios, roubos e tráfico de drogas.

Segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), a fuga foi registrada no Presídio Salvador, um dos principais prédios do Complexo da Mata Escura.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Redes Sociais


Fale Conosco

Preencha os campos abaixo, e assim que possível entraremos em contato
Enviando...
Mariani 24h © Copyright 2021