O Fórum Estadual de Educação da Bahia (FFE-BA) fez circular, nesta terça-feira (9), uma nota pública posicionando-se contrário à retomada das aulas presenciais na Bahia. O tema vem sendo discutido pelo governo do Estado e prefeituras, que trabalham na perspectiva de unificar um protocolo que permita um retorno das atividades. Foi também alvo de uma decisão judicial, que determinou a retomada das atividades já no início de março (reveja).

 No documento, o FEE defende a realização de atividades escolares não presenciais como forma de assegurar tanto o direito à vida quanto o direito à educação, com a devida preparação, organização das condições e planejamento com a participação ativa dos profissionais, estudantes e famílias.

 Sobre  a determinação judicial, a entidade opina que “trata-se de uma decisão na contramão do controle epidemiológico, impondo a volta à escola sem que haja a redução sustentada do número de casos, sem ampliação da testagem, sem um plano eficiente de vacinação, com a ocorrência de variantes mais letais do vírus na Bahia, de disseminação mais rápida e efeitos mais graves em crianças e jovens.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Redes Sociais


Fale Conosco

Preencha os campos abaixo, e assim que possível entraremos em contato
Enviando...
Mariani 24h © Copyright 2021