No mesmo dia em que o Ministério da Saúde divulgou nota dizendo que Eduardo Pazuello “até o presente momento" seguia como titular da pasta, o assessor especial do ministério, Markinho Show, usou o Twitter para desmentir informação de que o chefe pretende entregar o cargo.

“Não estou doente, não entreguei o meu cargo e o presidente não o pediu, mas o entregarei assim que o presidente solicitar. Sigo como ministro da saúde no combate ao coronavírus e salvando mais vidas”, escreveu o assessor, atribuindo as aspas ao próprio Pazuello. A declaração foi feita em meio a discussões no governo para substitui-lo à frente da Saúde. A troca teria sido tema de uma reunião de Bolsonaro com ministros da ala militar na noite deste sábado.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Redes Sociais


Fale Conosco

Preencha os campos abaixo, e assim que possível entraremos em contato
Enviando...
Mariani 24h © Copyright 2021